Proteja o que é seu com um Rastreador!

Faça já uma cotação e receba várias propostas com os melhores preços do mercado!

3 dicas para analisar quando um rastreador veicular compensa

O rastreador é uma forma de aumentar a segurança sobre seu veículo de maneira eficiente e rápida. Veja aqui 3 dicas para analisar quando um rastreador veicular compensa!

O rastreador veicular é uma das melhores opções para a proteção contra furtos e roubos de automóveis.

Isso porque ele aumenta as chances de ter o veículo de volta, uma vez que permite ter acesso à localização e encontrar o bem, e não apenas receber uma indenização sobre o valor do automóvel perdido.

Além disso, no último ano, a busca pelos rastreadores cresceu, uma vez que seu custo é menor do que os seguros tradicionais e ele é uma ótima opção para quem teve o orçamento reduzido devido a pandemia de Covid-19.

Veja 3 dicas para analisar e ter certeza se o rastreador veicular compensa.

3 dicas para analisar quando um rastreador veicular compensa

Imagem: Getty Images

1. Opções de rastreio

Ao tentar adquirir e analisar se o rastreador veicular compensa é importante verificar as opções de rastreio que ele oferece. Isso quer dizer sobre a tecnologia utilizada para rastrear o veículo, que pode ser em 3 opções.

A primeira delas é a radiofrequência, que utiliza a troca de dados através das ondas eletromagnéticas, oferecendo a localização exata do automóvel.

Além disso, essa tecnologia tem bom desempenho em lugares fechados, embora tenha cobertura limitada a locais com torres de rádio.

Outra opção é o rastreio através de chip, utilizando a tecnologia semelhante a encontrada nos smartphones e que necessita de um chip no dispositivo.

Com essa tecnologia é importante inserir créditos para que o funcionamento ocorra, além de ser preciso analisar a estabilidade da rede.

A terceira opção são os rastreadores que operam através de satélites.

Sua cobertura não depende de torres de rádio ou coberturas de operadoras e de chip, mas utiliza de satélites para realizar o rastreamento do automóvel, mesmo em locais mais isolados.

2. Valores

O valor para ter um rastreador veicular é calculado de maneira diferente do que os seguros de automóveis. A base para o cálculo considera apenas o modelo do veículo, sem levar em consideração o perfil do motorista.

Dessa forma, é um investimento inferior ao seguro de automóvel, sendo mais acessível para grande parte da população. Além de ser um dispositivo com maior garantia de ter o automóvel recuperado.

Outra vantagem para o preço, é voltada para usuários que querem realizar um seguro do automóvel.

Existem seguradoras que oferecem até 30% de desconto para veículos com rastreador, uma vez que as chances de encontrar o veículo em caso de roubo ou furto são maiores.

3. Vantagens

Outros pontos relevantes para analisar se o rastreador veicular compensa são as vantagens oferecidas aos clientes.

Nesse quesito é importante verificar itens como o suporte da empresa após o roubo ou furto do veículo, fator essencial para o uso do rastreador.

Outra questão importante é a delimitação de área para circulação.

Alguns rastreadores permitem que essa área seja estabelecida pelo cliente e, quando o automóvel ultrapassa o período estipulado, o dono do veículo é informado em tempo real.

Ao analisar se o rastreador veicular compensa é importante também levar em consideração a segurança para casos de sequestro.

O dispositivo permite encontrar a vítima de forma mais rápida, sem esperar pela comunicação dos sequestradores.

Outra vantagem do uso dos rastreadores é para quem possui frota, uma vez que permite realizar o acompanhamento de todo o trajeto das cargas e encomendas, analisando a velocidade do motorista e o tempo para concluir o trabalho.

Empresas que oferecem o serviço de rastreadores podem realizar cobranças diferentes sobre o posicionamento do veículo.

Por isso, é importante analisar as opções, com preferência para a que seja configurável e sem custo por posição recebida. Ter a posição do automóvel de maneira on-line e com possibilidade de histórico é a melhor das opções.

Outro ponto para analisar se o rastreador veicular compensa é a possibilidade de ter um “botão de pânico com o equipamento”.

Isso quer dizer que, em algum local do veículo, terá uma tecla escondida e, quando acionada, emitirá um alerta para a central de rastreamento. Com essa informação, a central aciona a polícia informando a localização do automóvel.

Esses são alguns pontos importantes para analisar se um rastreador veicular compensa.

É importante ressaltar ainda que esse dispositivo não tem coberturas extras como os seguros veiculares, mas garante que você tenha a localização do seu automóvel em tempo real.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Pular para a barra de ferramentas