Proteja o que é seu com um Rastreador!

Faça já uma cotação e receba várias propostas com os melhores preços do mercado!

Existe diferença entre um rastreador e um mini rastreador veicular?

O mini rastreador veicular não é diferente apenas no tamanho, sua forma de funcionamento e rastreamento é exclusiva.

Quando o assunto é rastreamento de veículo, para que esse seja feito é necessário ter os equipamentos corretos. Como são diversos, surge a dúvida se existe diferença entre um rastreador e um mini rastreador veicular.

Antes de entrar nessa discussão é preciso entender como eles podem ajudar a sua forma de funcionamento.

Existe diferença entre um rastreador e um mini rastreador veicular?

Imagem: Getty Images

Para que serve um rastreador?

O rastreador veicular é um equipamento que é colocado no carro, em um local escondido. Ele emite sinais de sua localização.

Com a utilização de um aplicativo ou software próprio é possível saber onde o carro está com as informações enviadas.

Ele costuma ser utilizado para saber a localização do veículo, principalmente em casos de roubo ou furto. Dessa forma a recuperação tem maiores chances de sucesso.

Comercialmente também é utilizado para o monitoramento de frotas e rastreamento de cargas.

Os tipos de rastreador

Tanto o rastreador e um mini rastreador veicular podem ter tecnologias para a emissão de sinal. São basicamente três delas.

1. GPS

O rastreador GPS ou Global System Positioning utiliza os satélites que orbitam a terra. De acordo com a triangulação dos sinais ele é capaz de informar onde está o equipamento.

Como o sinal corre rapidamente a precisão do rastreamento é bastante grande. Esse tipo de tecnologia acaba sendo usada comumente em transporte de cargas e objetos valiosos.

2. RF

Os rastreadores de RF ou radiofrequência funcionam por meio de ondas eletromagnéticas, podendo ser alcançado em locais fechados, o que nem sempre é possível com o GPS.

Eles são bastante precisos e armazenam uma grande capacidade de dados, entretanto o sinal é mais restrito, sendo mais indicado para quando se necessita de monitoramento regional e em locais fechados.

3. GSM ou rastreador com chip

O GSM (Global System for Mobile Communications) usa as mesmas frequências utilizadas pelos telefones celulares. As transmissões são criptografadas, isso garante mais segurança aos usuários.

Ela funcionará em locais que existem sinal de celular, já que fazem uso das torre desses equipamentos. Uma desvantagem é que podem não ser muito precisos porque existe um tempo para a atualização das informações.

Rastreador x mini rastreador veicular

Entendendo quais são os tipos de rastreamento, é hora de compreender a diferença entre os equipamentos.

Até pouco tempo só existia um tipo de rastreador. Esse era um equipamento instalado nos veículos por empresas especializadas. Esse equipamento era da organização e ela disponibilizava para que o usuário utilizasse.

Essa forma ainda existe e as empresas normalmente oferecem o serviço de monitoramento e rastreamento. Isso significa que instalam o rastreador no carro e disponibilizam o aplicativo ou softwares para uso.

O usuário costuma ter acesso a diferentes informações como posição do carro, locais onde o veículo circulou e serviços como cerca eletrônica e outros que podem ser usados com alerta.

O rastreador é um equipamento que costuma ser ligado ao carro, assim não é preciso se preocupar com sua bateria. Ele é alimentado pelo veículo e fica escondido para que não seja localizado.

Já o mini rastreador veicular não tem seu nome relacionado apenas ao tamanho. É claro que o equipamento costuma ser bem mais compacto e surgiu devido à evolução tecnológica.

O mini rastreador costuma ser vendido para o usuário final, isso quer dizer que qualquer pessoa pode adquirir. Normalmente, ele funciona com a tecnologia GSM, sendo preciso inserir um chip com número válido para que ele opere.

A diferença nesse caso é que não existe uma empresa que presta suporte no funcionamento do serviço e manutenção do equipamento. O usuário compra, instala, configura e monitora, tudo por conta própria.

Outro ponto é que ele não possui mensalidade, ou seja, se paga apenas pelo equipamento não tem custo adicional.

Por outro lado, a bateria possui duração determinada, sendo necessário carregar com alguma frequência para que continue utilizando o rastreamento.

Em relação às funcionalidades principais, tanto o rastreador como o mini rastreador veicular oferecem basicamente o mesmo resultado final. Ambos permitem saber onde o carro está e auxiliam em caso de roubo e furto.

O rastreador e o mini rastreador veicular exercem a mesma função, porém, o diferencial está na forma de aquisição e administração dos serviços. Se a intenção é ter autonomia e economizar, o mini pode ser a opção mais adequada.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Pular para a barra de ferramentas