October 10 2014

Andréia Silveira

Veículos recebem rastreadores para melhor controle da frota

300x250

Com a onda de roubos e furtos, muitas empresas estão investindo em rastreadores para sua frota. Saiba mais!

Veículos recebem rastreadores para melhor controle da frota

Fontes: www.deboss.com.br

Diariamente vemos nos noticiários roubos e furtos com diversos veículos e para proteger seus produtos, veículos e até mesmo seus funcionários, empresas e órgãos públicos estão investindo em rastreadores para controlar a sua frota. Um exemplo disso é a prefeitura de Venâncio Aires que conta com 113 veículos de sua frota e está instalando os rastreadores neles.

Para o secretário de administração Leandro Pitsch, essa tecnologia vai proporcionar um controle eficiente da frota toda, o que é algo essencial para garantir mais segurança. E é por isso que muitas empresas estão investindo aos poucos em rastreadores para suas frotas.

Como funciona um rastreador de veículos?

Não importa qual seja o itinerário do veículo, ele pode ser localizado de forma instantânea com o sistema de rastreador. Veja como:

  1. É instalado no veículo um módulo rastreador, com duas tecnologias principais: o GPS que recebe informações de longitude, latitude e direção pelo satélite e o GPRS que transmite os sinais captados pelo GPS para a central, usando apenas um chip como ao de um celular. O GPRS envia um sinal para a plataforma de rastreamento que fica na central de operações, esta o codifica e o transforma em endereço.
  1. No caso de o veículo estar com a ignição ligada, o sistema de rastreamento transmite de minuto a minuto um pacote de dados com sinal da localização e também da velocidade que está o veículo, direto para o sistema. Quando o veículo não está em movimento, o sinal só é enviado a cada 12 horas.
  1. O cliente possui um nome de usuário e senha para monitorar o veículo de onde estiver, desde que tenha sinal de internet. E no caso de roubo, o usuário poderá entrar em contato com sua central de atendimento 24 horas por um telefone de 0800 que em menos de um minuto a central já enviará um sinal de bloqueio para o carro. O sinal enviado atua diretamente sob a bomba de combustível ou ignição para que o veículo vá parando lentamente.
  1. Enquanto isso, a central envia uma equipe de segurança até o local para poder assim, recuperar o veículo e o tempo máximo para que isso ocorra é de até 1 hora. Existe uma margem de erro para conseguir localizar o veículo, que é de 15 a 20 metros apenas, mas na maioria dos casos um alarme é acionado, facilitando sua localização.
  1. Se o condutor sofrer um sequestro, existe ainda o botão de pânico que é instalado em um local discreto para ser acionado, então o veículo passará a ser monitorado por um sistema de rastreamento. Em todos os casos a polícia é acionada sobre o acontecimento e o cliente pode contar com mais esse apoio.

Viu como os rastreadores são excelentes para a sua frota?

Aproveite e faça uma cotação de quanto fica um rastreador para o seu carro.

Sobre o autor: Andréia Silveira

Andréia Silveira está cursando Turismo e fez diversos cursos na área de tecnologia. É escritora freelancer e tem uma enorme paixão pela escrita, com o interesse na criação e publicação de artigos de qualidade em diversas áreas do conhecimento.


Discussão

Sem comentários. Seja o primeiro a responder!

Postar um comentário

Os comentários estão encerrados.